"A profundeza abissal da palavra declamada
ecoa nítida na linguagem abstrata
das mãos (gestos prontos),
e o atrito dos dias confunde as cicatrizes do tempo,
derramado sobre a mesa o poema
ignora nas pálpebras o pesadelo do sonho"

(Júlio Rodrigues Correia)





.

2 de nov de 2009

DISTANCIA







Como essa distancia enfraquece a retina
Como essa distancia fortalece
Vontade de nos amarmos
Amar cada camada de tua derme
sem você dar conta
Que o tempo envelhece
A tua alma engrandece
E a minha também
Pois somos além
Da linha invisível
Tão frágil

Como essa distancia padece
No imaginário tão volátil
com qualquer chegada
Do frio ou do fogo
No peito estremece
Escondido
um sorriso





cintia thome









.

Nenhum comentário: