"A profundeza abissal da palavra declamada
ecoa nítida na linguagem abstrata
das mãos (gestos prontos),
e o atrito dos dias confunde as cicatrizes do tempo,
derramado sobre a mesa o poema
ignora nas pálpebras o pesadelo do sonho"

(Júlio Rodrigues Correia)





.

10 de jul de 2012


achei esses rabiscos, sim hj mais que rabiscos...só ficou a saudade das coisas boas da juventude, o início, não do fim...

PÃO E MANTEIGA


Amanhece
em todas as cidades
passado despetalado
limpo
recria
revoada
pássaro beija-flor
ergue-se flor
margarida dor
Ciranda
Dança
Pássaro canta
uma volta
em volta
sem revolta
açucares
envolta flor
nasce
outra criança
renascem
manhãs
adocicadas
margarida
passarinho
ninho em flor
eterniza meiga canção
a manteiga
e pão



.
CÍNTIA THOMÉ



19/set 2008 AS 6 HORAS...



Derreto líquida, em lágrimas...eu gostava tanto de voce
Nov. 2008

Nenhum comentário: